Conheça os segredos da culinária tradicional japonesa

COMPARTILHAR
Segredos da culinária tradicional japonesa

A culinária tradicional japonesa se refere a receitas feitas com arroz, sopa de misso (pasta de soja), carne ou peixe com tsukemono (picles).

Além disso, os temperos mais habituais a gastronomia nipônica são os seguintes: o shoyu (molho de soja), o wasabi (raiz forte), o misso (pasta de soja), o karashi (mostarda), mirin e sake (bebida alcoólica a base de arroz) e dashi (caldo de peixe ou carne).

Conheça alguns segredos da culinária tradicional japonesa

O Japão é composto por uma série de ilhas. Por isso, a população desenvolveu o costume de usar o mar como fonte de alimentos, como algas marinhas, moluscos e uma grande variedade de peixe.

Afinal, o peixe é muito prestigiado na cozinha do país e é uma importante fonte nutricional, de acordo com informações do Consulado Geral do Japão em São Paulo.

O peixe é um elemento essencial na preparação de pratos famosos como o sashimi (peixe cru) e sushi (pequenos bolinhos de arroz com temperos de vinagre recheados com fatias de peixe cru).

Vale lembrar que a carne somente chegou ao Japão no começo do século 19. Portanto, a carne não integrava a dieta normal dos japonesas até esses momento. A partir daí, foram desenvolvidos novas pratos com carne de gado, porco e frango.

Hoje em dia, os espetinhos de frango grelhado (yakitori) são extremamente famosos, bem como o sukiyaki que conta com fatias bem fininhas de carne preparada juntamente com verduras e o tofu (queijo de soja);

Mesmo que o macarrão seja oriundo da China, ele também se tornou extremamente popular na culinária tradicional japonesa.

Há diversos estilos de macarrão, e dentre as variedades mais populares se encontram o soba (macarrão de trigo sarraceno), o udon e somen (macarrão de trigo).

O lamen, uma das receitas mais famosas no país, é feita com caldo, vegetais e pedaços de carne. Só que esse tipo de macarrão também pode resultar no famoso yakissoba (macarrão frito).

Quer aprender a fazer todas essas receitas milenares da gastronomia do Japão? Então, o curso do Kosu pode ser a porta de entrada para uma verdadeira imersão na cultura nipônica!

COMPARTILHAR